« Voltar

Notícias


Notícias Arquidiocese

Dom Moacir recebe o título de cidadão ribeirão-pretano

A Câmara Municipal de Ribeirão Preto, em sessão solene, no dia 22 de junho, às 19h30, conforme Decreto Legislativo 07/2018, de autoria do vereador João Batista Creolésio Malheiro, concedeu o Título de Cidadão Ribeirão-pretano ao arcebispo Dom Moacir Silva.


A Câmara Municipal de Ribeirão Preto, em sessão solene, no dia 22 de junho, às 19h30, conforme Decreto Legislativo 07/2018, de autoria do vereador João Batista Creolésio Malheiro, concedeu o Título de Cidadão Ribeirão-pretano ao arcebispo Dom Moacir Silva. A cerimônia no “Plenário Orlando Victaliano” foi presidida pelo presidente da Casa de Leis, Igor Oliveira, e contou com a presença de padres, diáconos, religiosas e religiosos, alunos da Escola Diaconal São Lourenço, integrantes das comunidades paroquiais, das pastorais, dos movimentos e serviços; além de vereadores e vereadora e do prefeito municipal Antônio Duarte Nogueira Júnior.

Projeto

O autor da honraria, vereador João Batista, em nome da Câmara Municipal de Ribeirão Preto, saudou o homenageado e enalteceu as motivações para a entrega do título ao arcebispo dom Moacir Silva. “O título de cidadão equipara a pessoa homenageada a uma adoção filial. A pessoa agraciada passa a ser um irmão, um conterrâneo, uma pessoa da terra, mesmo que este não tenha nascido no município. Ora para que essa pessoa que não nasceu no município seja considerada conterrâneo faz-se necessário que essa pessoa seja muito conhecido, uma pessoa produtora na comunidade. Contudo, se essa pessoa o faz apenas por obrigação ou profissão, tal ou melhor perde o seu sentido. Entretanto, se o faz, além do viver e de suas funções fazendo a diferença na comunidade, praticando o bem comum, acolhendo a todos sem olhar a quem, escrevendo a história positivamente, assistindo aos mais carentes, motivando e proporcionando o crescimento do outro, então essa pessoa merece receber o título de cidadão, e no caso dessa noite, o de cidadão ribeirão-pretano”, destacou o vereador.

Diploma

Feitas as motivações, o vereador João Batista, apresentou a trajetória de vida do arcebispo Dom Moacir Silva, e na sequência no telão central foram projetadas fotos de diversos períodos da vida de dom Moacir, enquanto era executada a canção “Te, amarei, Senhor” e “No peito eu levo uma cruz, no meu coração o que disse Jesus”. Na continuidade, o vereador Renato Zucoloto fez a leitura do diploma, e na sequência os vereadores entregaram o diploma ao homenageado, prosseguindo, o vereador João Batista entregou ao arcebispo o brasão de lapela com a bandeira do município de Ribeirão Preto, e o leigo Fabrízio Magalhães Leite, da paróquia Santo Antônio de Pádua, fez a entrega das flores a Dom Moacir.

Tribuna

Na tribuna, primeiramente, fez o uso da palavra em nome do Clero da Arquidiocese, o padre Gilberto Kasper. “Recebi a incumbência de lhe dirigir algumas palavras que demonstrem o amor do Clero (Presbíteros e Diáconos) da Arquidiocese de Ribeirão Preto, que há cinco anos lhe foi confiada. (...) Nós, Padres e Diáconos Permanentes, agradecemos a este Legislativo que reconhece a riqueza de sua presença sempre gentil, carinhosa e elegante entre nós, garantindo-nos a segurança do depósito da fé, da unidade e comunhão com a Igreja do Mundo, por seus exemplos de amor ao Santo Padre o Papa; do Brasil, pela estima que lhe confere a CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil; do Estado de São Paulo, para nós o Regional Sul 1 da CNBB, que lhe defere profunda admiração; do Sub-Regional de Ribeirão Preto, formado pelas oito Dioceses Sufragâneas da Arquidiocese de Ribeirão Preto, que sempre o tem presente nos momentos mais importantes de sua vida eclesial, e nem por último de nossa própria Igreja particular e nossa Cidade aniversariante que o respeita e ama profundamente como nosso Mestre, Pastor, Pai, Irmão e Amigo”, expressou padre Gilberto.

O prefeito municipal, Antônio Duarte Nogueira Júnior, ao fazer uso da palavra, lembrou a importância do trabalho da Igreja Católica em Ribeirão Preto, se colocou à disposição das atividades da Igreja, e disse recordar as sugestões do arcebispo dadas na primeira audiência, quando o visitou, logo após assumir a prefeitura da cidade.

Mensagem

A última palavra pronunciada na tribuna foi a do homenageado. Dom Moacir agradeceu a homenagem e refletiu sobre a importância da participação dos cidadãos na vida da cidade. “Minha primeira palavra é de gratidão por este título que hoje me concedido. Agradeço ao Vereador Joao Batista, autor da propositura e a todos os vereadores que aprovaram a iniciativa. Agradeço a todos que vieram prestigiar este momento, bem como aos que nesses dias enviaram mensagens de congratulações por este evento. A todos, muito obrigado. Nesses dias fiquei pensando o que dizer aqui nesta noite. E resolvi trazer uma pequena reflexão sobre a participação do cidadão na vida da cidade, a partir da Doutrina Social da Igreja”, disse o arcebispo.

A cerimônia terminou com a execução do Hino da cidade de Ribeirão Preto e os cumprimentos dos presentes ao mais novo cidadão ribeirão-pretano.

Fonte: http://www.arquidioceserp.org.br/noticias?id=10212

Hosrários

Santos de calça jeans

Aniversários

 
Copyright © 2018 Catedral São Sebastião | Todos os direitos reservados.